Sobre a Mamãe Retrô​​​

Conheça um pouco mais sobre a história de como a Mamãe Retrô surgiu e quais os ideais que a movem.

Respeito pela Infância

Acreditamos na infância como base de toda a vida, logo entendemos a necessidade de lutar pela proteção, afeto, respeito, segurança, liberdade e manutenção dos direitos básicos de toda criança, independente de sua cor, credo, gênero, constituição familiar ou classe social.

Que toda criança, em qualquer lugar, possa ter garantido seu direito à uma infância segura, onde possa aprender e se desenvolver, sentindo-se livre para expressar todo seu potencial criativo.

Liberdade Criativa

Ao brincar, explorar o mundo, desenvolver atividade artísticas e interagir com outras crianças, os pequenos podem desenvolver uma infinidade de conhecimentos e habilidades. 

Ao dar para a criança liberdade para fazer escolhas e colher os resultados, possibilitamos também o desenvolvimento ativo de sua criatividade de forma que possa, por conta própria, criar caminhos para percorrer mesmo quando for adulta.

Memórias Afetivas

Acreditamos no poder do afeto envolvido no aprendizado e desenvolvimento criativo, cognitivo e emocional. 

Por isso, nossas oficinas são pensadas para toda família, não importa o formato ou tamanho. Pais, tios, avós, cuidadores, professores, são todos bem vindos para participar com as crianças, criando durante o processo de fazer arte, memórias afetivas duradouras que servirão de inspiração para os pequenos, mesmo depois de  crescidos.

Uma feira de Empreendedorismo Materno e o
Suporte de uma Vila

A Inspiração

Quando conheci a Maternarum, minha cabeça já andava cheia de idéias, cheia de planos e anseios. Queria fazer mais com meus dons, queria muito poder inspirar outros da mesma forma como minha vida andava inspirada. Foi quando tomei conhecimento de que estava para acontecer uma Feira de Empreendedorismo Materno.

O Nascimento

A empolgação para participar foi grande, tão grande quanto o desafio que estava a minha frente: Iniciar do zero um negócio, uma marca, uma logo, uma identidade visual, e mais, produzir um estoque. Tudo isso já havia sido pensado e repensado em minha cabeça e em meus sonhos, mas até o momento, por falta de oportunidade, ou mesmo coragem, jamais havia saído do papel. A Feira foi como uma alavanca, uma “desculpa” para tornar tudo aquilo real. “Agora vai, vamos Michelli, costure, pense, crie”, eu motivava a mim mesma, durante inúmeras horas de costura diárias, já que a feira aconteceria em não mais do que 30 dias. 

E assim foi, meu marido me ajudou na criação da logo, de uma identidade visual, criamos funpage, fiz uma lista de produtos, pensei nos tecidos, desenhei, rabisquei, e num piscar de olhos, em uma linda Feira da Maternarum, em 14 de dezembro de 2013, eu dei à luz a Mamãe Retrô, uma empresa linda, cheia de mim, cheia do amor que tenho pelos meus filhos, cheia do amor que tenho pela arte. Nasceu, e naquele mesmo dia, apaixonei-me por ela, como a mãe que olha seu filho pela primeira vez, depois de horas de dor e esforço, e respira aliviada, certa de que o caminho é longo, mas que é o caminho certo, o melhor e mais lindo a seguir

Entre estandes e produtos: PARCERIA

Encontrei em meio a Stands e produtos, mais do que negócios, encontrei gente que se importa, que vive as mesmas lutas, que sonha na mesma direção. Gente que não se isola, mas que se agrupa, que se ajuda, que compartilhar pra multiplicar, que quando fala agrega. Encontrei amigos, fiz clientes fiéis, fiz parcerias, encontrei a mim mesma, ser mãe e artista, encontrei meu negócio, meu trabalho e prazer!

Nesta caminhada de muito trabalho, fica cada vez mais evidente para mim, que vamos mais longe juntos do que sozinhos, o fardo é mais leve quando é compartilhado e muito ganhamos quando nos dispomos a contribuir uns com os outros.

Rolar para cima